sexta-feira, 31 de julho de 2015

Teus braços...


Em cada canto de teu corpo,
 encontro meu conforto e minha paixão,
 nas esquinas de tua alma,
 tudo é infinita calma,
 tudo é infinita canção.
 Em cada canto de ti
 me deparei a te olhar,
 a te admirar, como quem vê o bem,
 e sente bem o que virá.
 Em tuas curvas discretas
 és-me divina janela, em que olho o paraíso,
 e em tua visão pereço, 
sabendo que não mereço,
 mas assim me tranquilizo,
 e em teus braços,
 adormeço. 

 Fernando Cardoso

 Hoje, ame intensamente e Seja Muito feliz. 
Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário