quarta-feira, 30 de maio de 2012

Presença.





SEGREDO

 Não posso mais calar o pranto
 Que nasce dos meus olhos
 por encanto
 Preciso ir em busca dessa voz 
Que ao meu peito traga acalanto.

 O sol que rompe a tênue madrugada
 Me lança seu olhar triste 
e calado
 Indago a serena madrugada 

Que fazer para esquecer o meu amado?
 Travo em mim uma batalha desigual;
 Um lado meu,
 quer dar a ele minha vida
 O outro sabe que ele me vê só
 como amiga


 Jamais direi a ele,
EU TE AMO!
 Não contarei a ele que sou triste
 OH! meu amor ! 
como te dar meu sentimento
 Se ao me conhecer, sequer me viste?
 Direi ao vento? contarei a lua?
 Ou seguirei cantando as quimeras
 Como te olhar nos olhos
 sem que vejas
 Que em meus sonhos 
sou inteira tua? 

 Hoje, Ame intensamente e 
Seja Muito Feliz. 
Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário