segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Só nosso...


Quantas vezes, 
Dizia ao vento palavras de carinho,
 Na esperança,
 De que fosse o portador de meu apreço,
 Lagrimas e sorrisos em um abraço,
 Sou dor de amar almejando te deter, 
Num tempo só nosso,
 Até que tua boca a minha nos una,
 E em festa tudo possa emergir, sentimentos,
 Prantos de alegria e beijos de espuma,
 Em verdades que o tempo jamais apaga,
 Versos que componho para renascer.
 Em teus braços viver,
 Nesta que é,
Toda uma vida que nos une. 

 Eneb 

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz. 
Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário