segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Teus carinhos...


Neste deserto da solidão...
 Preciso te amar um pouquinho...
 Deixe-me sentir os teus carinhos 
Traga o oásis para meu coração...
 Amor! 
Já perdi a conta do tempo 
Que estou a vagar sem destino...
 Sem sentir as tuas carícias... 
Essa espera me leva ao desatino.
 Hoje sem orgulho e vaidades... 
Existe a falta dos teus abraços... 
Com o calor ardente da paixão...
 Quero sentir a brandura da ternura 
A descongelar meu coração...
 Amor!
 Venha atender meus apelos 
Venha quebrar o frio desse silêncio... 
Nem que seja por breve momento...
 Hoje!
 O não será apagado... 
Haverá o sim 
mesmo com todos os pecados.

 Santina Sanvesso

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz. 
Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário