sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Tua energia.

 

Mulher:
 - desafias o próprio norte;
Derramas, ao redor, tua energia,
Fazes da noite o teu próprio dia;
Circula nas tuas veias o plasma forte.
Dás muito de ti, e, desafias a morte;
Não ignoras teus momentos de agonia;
Defendes, rude, tua idiossincrasia,
Nem te entregas à própria sorte.
Curvo-me para ti, alma de gigante,
E sigo os teus passos itinerantes;
Deus conhece a boa filha que tu és!
Nasceste para conter o rumor,
Conheço bem o grau do teu amor;
Incontinenti beijo os teus pés!...
 
  Machado de Carlos
 
Hoje, Ame intensamente e Seja muito feliz.
Felicidades...


Nenhum comentário:

Postar um comentário