quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Meu amor silencioso...


Amei quando me convidaste 
 Para ser seu amigo
 Foi imensa a felicidade em saber
 Que daquele momento em diante
 Mais próximo estaria de você. 
Parecia um sonho a realizar-se
 Ainda que não soubesse deste amor
 Que vivia a te esconder.
 De repente, começamos nos falar 
E pouco a pouco nos declararmos
 Os sentimentos foram expostos
 Tudo aquilo que parecia um sonho
 Foi transformando em nada, num vazio.
 Hoje olho você, me olho
 E volto no tempo 
 Quando te sonhava,
 Quando meu amor era silencioso 
 Morando apenas em meu sentimento,
 Quando éramos apenas amigos.
 Sonhar as vezes nos faz mais feliz
 Do que a própria realização deste sonho.

 Ataíde Lemos 

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz... 
Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário