sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Sua força, seus carinhos...


Foi num quase sem querer dizer adeus 
Que aconteceu, 
Um misto de desentendimento e força de expressão,
 Tudo de repente se transformou,
 A vida perdeu a cor tudo enegreceu.
 Tantas horas vividas 
Com sorrisos que se perdiam nas campinas
 Doce festejar de encontros felizes jogados ao vento,
 Por frases colocadas sem ritmo do coração
 Mas, fortalecidas por egoismo pessoal apenas.
 Sua grandeza é imensa e hoje vejo que errei,
 Espero ainda refazer quem sabe 
Esses passos dados em falso, 
Resta que me queiras e possamos nos entender,
 Outro sim seguirei e entenderei,
 Pois errei... 

 Alvorada

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz. 
Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário