sábado, 16 de julho de 2016

Olhar cintilante...


Entre lua e estrelas,
No olhar cintilante e carente
Chamo meu Anjo.
 Que chega em concha brilhante.
 Pérola que direciona minha vida.
 Estremece a terra em voz vibrante.
 Toca lira em som sobrenatural.
 Louvamos o Todo. 
Acompanhados pelos primeiros raios de sol.
 A lua não quer se despedir...
 O tempo também parou para nos acompanhar...
 Saudamos a vida, saudamos a Luz.
 O universo se encanta.
 Em camarata fantástica. 
Os elementos sagrados em sinfonia. 
O céu em lágrimas. 
Nos abençoa em garoa fina...

 Cristina Pilan Oliveira

 Hoje, Ame intensamente e Seja muito feliz.
 Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário