quinta-feira, 21 de julho de 2016

Despertar...


Quando o sol esquentava o teu corpo,
 Você não se aquecia.
 Quando a chuva molhava teu rosto,
 Nem alegria sentia.
 Quando o pássaro cantava,
 Você nem o ouvia.
 Estava tudo ao teu redor, 
Fazendo-te companhia.
 Assim foi morrendo a flor,
 E você nem a percebia.
 A beleza estonteante,
 Era só o que sempre apreciaria.
 Mas o prazer do sentimento,
 Percebi aos poucos que nunca sentiria. 
Você teve muito em tuas mãos,
 Pensando que valorizaria. 
Mas fui feita para o amor,
 Não serei mais a tua fantasia. 

 Heidy

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz.
 Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário