quarta-feira, 1 de junho de 2016

Um novo amor...


Ah! Coração.
 Me diz quem morre e quem acorda.
 Me diz quem vive e quem adormece.
 Me diz pra quem é a saudade que aperta
 sem braços, o peito.
 Diz pra mim, coração, porque nem eu sei mais. 
 Foram tantas dores, tantos desamores,
 tantos que foram amores, que até talvez foi quase.
 Diz, coração, 
há quem pertence tudo que tu me pulsas,
 diz por quem sou eu.
 Diz por quem somos.
 Que eu e tu, coração, somos dois.
 Eu, quieta e trancada e, tu,
 sobrevivente e escancarado.
 Diz, coração, baixinho pra eu entender
 que todo amor que tu sente,
 é só pra me fazer viver também.
 Diz que todo amor que você esquece,
 é pra outro novo amor eu reconhecer.

 Larissa Bottas 

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz.
 Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário