sexta-feira, 10 de junho de 2016

Com todo amor...


Escrava do tempo
 Passado distante
 Ou presente optante
 Refém dos tropeços 
Fé na vida agora e sempre
 Livre dos tropeços e preconceitos
 Liberto-me como um moinho de vento
 Lavando minha alma
 Estendendo-me no varal do tempo... 
Como roupa nova 
Dançando...
Bailando
 A canção do encantamento...
 Deixando meu pensamento viajar
 Como lembranças ao vento
 Subordinadas à sonhos
 Que ainda não sonhei
 Mas que realizarei
 Antes de ir
 Para o caminho incerto
 Levada pelo meu coração
 E da minha emoção
 Mas com todo amor
 Que sinto em meu coração!

 Thais Arrighi

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz. 
Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário