domingo, 3 de abril de 2016

Suavidades...


Quando estiveres
 velha e grisalha, e cabeceares 
De sono à beira da lareira,
pega este livro, e lentamente o lê,
e sonha com a aparência suave
 Que tinham outrora teus olhos,
e suas sombras densas;
 Muitos amaram
 teus momentos de alegre graça,
 e tua beleza,com falso ou vero amor,
 Mas um alguém  amou a alma peregrina em ti,
 E a mágoas de teu rosto sempre a mudar. 

 William Butler Yeats 

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz. 
Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário