segunda-feira, 28 de março de 2016

Caminhos estreitos...


Caminhos estreitos entre,
 Dor e saudades,
 Quase posso senti-la soluçando,
 Eis que a galope passa esse vento taciturno,
 Não resista,
 Começa ditar agora palavras,
 Elas são sentimento,
  De coisas maravilhosas escritas,
  Entre uma lagrima e outra. 
Algumas entre sorrisos alegres,
  De doces lembranças... 
Vamos juntando esses pedaços,
  E colocando palavras,
  Para que um dia possamos novamente,
  Fazer alguma viagem nessas lembranças.
 Nossas conquistas , trechos de uma vida...
 Alguns pedaços da nossa historia,
 Que entre dor e saudades,
 Iremos repartir, amor...

 Bas

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz.
Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário