domingo, 21 de fevereiro de 2016

Um dia, um adeus...


Só você pra dar
 A minha vida direção
 O tom, a cor
 Me fez voltar a ver 
A luz, estrela no deserto a me guiar
 Farol no mar da incerteza
 Um dia, um adeus
 E eu indo embora
 Quanta loucura
 Por tão pouca aventura
 Agora entendo
 Que andei perdido
 O que é que eu faço 
 Pra você me perdoar 
 Ah! Que bom seria
 Se eu pudesse te abraçar
 Beijar, sentir
 Como a primeira vez
 Te dar o carinho
 Que você merece ter
 E eu sei te amar 
 Como ninguém mais
 Ninguém mais
 Como ninguém jamais
 te amou
 Como eu, como eu...

 Guilherme Arantes 

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz. 
Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário