domingo, 27 de dezembro de 2015

Viver e viver...


Esquecer de tudo
 Entrar num mundo quieto e mudo...
 Sentir apenas um calor
 Aquecer o corpo todo
 E num amor profundo
 Ser rodeado só de amor...

 E em cada canto
 Em qualquer espaço
Nunca sentir o pranto
 Mas apenas sentir o abraço... 
Amar,apenas amar
 Esquecer de tudo
 Sem nunca reclamar
 Dos dias escuros
 Nos olhar ler o poema mundo
 Duma paixão louca
 Sem limite ou futuro... 

E gritar até a voz ficar rouca
 Que o mundo deve é esquecer
 Dores, desavenças, desencontros
 Deve a alma esquecer...
E viver, viver...

 Eneb

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz.
 Felicidades...

 polishop.com.vc/beneval

Nenhum comentário:

Postar um comentário