domingo, 8 de novembro de 2015

Doçura...


És doçura a 
Razão do meu viver,
 De quem tanto procura,
Amor eterno amor eu quero ouvir sua voz,
 No quarto sussurrar e cavalgar a sós.
 É esse o devaneio 
 Que eu sempre quis… pra nós, tão lindo, 
Será você a cura pra essa dor
 Estar assim um coração
 Que sofre por amor.
Volte vida minha...
Te amo.

 Sonia

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz.
 Felicidades

Nenhum comentário:

Postar um comentário