terça-feira, 24 de novembro de 2015

Amor infinito...



Não vou dizer que amo
Também não vou dizer que não
A equação resolve tudo
Menos coisas do coração
Sentimento não se mede
Tamanho, nem área dá pra calcular
Mesmo sendo maior que o mundo
Um pequeno coração pode guardar
O amor é infinito
Mesmo quando a chance tende a zero
Para o sonho não há limite
Quando o coração é sincero
Na areia escrevi teu nome
E vi a onda sinuosa o apagar
Agora temos um segredo
Eu, você... areia e mar
Não espero que digas sim
Não, também não precisa dizer
Quero apenas lembrar teus olhos e
Palavras bonitas lhe escrever
Brincar com números é bom
Há sempre um limite a vencer
Para as palavras há limites
Que vou saber obedecer
Sei que não mais estaremos juntos
Apenas andaremos lado a lado
Que te lembres sempre com carinho
Deste teu fã apaixonado

José L. Bonfim

Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz.
Felicidades...


Nenhum comentário:

Postar um comentário