quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Te guardei...


Eu te guardei as minhas partes boas, meu bem.
 As minhas palavras mais doces,
 os meus gostos musicais mais clássicos
 e os meus apreços literários mais bem conceituados.
 Eu me moldei para o teu amor.
 E você, meu bem, trouxe a realidade.
 Expôs meus medos, ciúmes, inseguranças e silêncios. 
 Expôs toda a minha face perdida na vida.
 Você aflorou os meus cantos mais imundos.
 Foi assim que eu aprendi:
 O amor nos quer imperfeitos.

 Camila Costa 

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz.
 Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário