sexta-feira, 24 de abril de 2015

Seus mistérios...


Eu tenho andado tão sozinha ultimamente
 Que nem vejo em minha frente 
Nada que me dê prazer
 Sinto cada vez mais longe a felicidade 
Vendo em minha mocidade 
Tantos sonhos perecer
 Eu queria ter na vida simplesmente
 Um lugar de mato verde
 Pra plantar e pra colher
 Ter uma casinha branca de varanda
 Um quintal, uma janela 
 Para ver o sol nascer
 Ás vezes saio a caminhar pela cidade
 Á procura de amizade
 Vou seguindo a multidão 
Mas me retraio olhando em cada rosto
 Cada um tem seus mistérios
 Seu sofrer, sua ilusão
 Eu queira ter na vida ...

 Maria Bethânia 

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz. 
Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário