quarta-feira, 25 de março de 2015

Confiar no amor.


O amor que entreguei em suas mãos
 foi além de ser abstrato.
 Entreguei meu coração, ainda pulsando para que não deixasse parar de bater. 
Mesmo que você deixe, ele não para.
 Não para porque move as lágrimas,
 porque alimenta os sorrisos e o sentimento de lembrança. Abandonar um coração 
que lhe é entregue é como entregar-se ao vazio. 
 Mas o vazio chora, sorri e sente saudades.
 Do mesmo jeito
 que ninguém é completamente feliz, 
 nada é completamente vazio. 
Abandone o coração,
 abandone tudo que o completa.
 Quem abandona
 não esquece porque sente falta, sente só. 
 Esquecer é o impossível da vida 
porque alimenta a tristeza que insiste em atormentar-nos. Infelizes fomos nós seres humanos
 dotados da memória; ou não,
 por podermos apesar de tudo
 sorrir
 com um passado cheio de amor.

 Mareu Ruggeri Ayres 

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz.
 Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário