sábado, 30 de agosto de 2014

Junto a você.


Essa presença no pensamento,
 Arrebentando os sentimentos, 
Falando de alguém distante, 
Tão presente, tão constante.
 A impaciência da paciência,
 Nas lágrimas toda essência,
 Impossibilidade da presença,
 Causando a dor da ausência. 
 Incapacidade, não ser capaz,
 Esquecer o que dói demais,
 Desarticula a Paz, a emoção,
 Bater mais forte o coração.
 Como expulsar você de mim?..
 Alojou-se tanto, não quer sair,
 Leva-me com você, que eu vou, 
Deixa-me nos braços do amor.

 Marisa de Medeiros 

 Hoje, ame intensamente e Seja muito feliz.
 Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário