segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Flor ao relento.


Se não fosse por você,
 meus desejos...insatisfeitos... 
rangeriam esquizofrênicos,
 sem teu corpo para tocar.
 Se não fosse por você, 
eu seria a presa perfeita
 de fantasmas noturnos invasores 
de meus íntimos desmaios
 assistindo a meu suicídio emocional.
 Se não fosse por você... 
 Teu orvalho não regaria
 minhas flores e meus lábios murchariam
 como elas secos, petrificados,
 sem sabor, só dor.
 Se não fosse por você,
 não possuiria palpáveis ilusões
 somente esperas noturnas
 sem janelas para a lua
 nem uma frestinha sequer...
 Não passaria de uma flor ao relento 
uma taça vazia, um cálice sem vinho 
e meu amor escorreria 
por meus dedos
 efêmero, 
transitório,
 passageiro.
 Se não fosse por você...

 Karla Julia 

 Hoje, Ame intensamente e Seja muito feliz.
 Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário