quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Amor..Porque será?



Dos lábios que me beijaram, 
 Dos braços que me abraçaram
 Já não me lembro, nem sei...

 São tantos os que me amaram!
 São tantos os que eu amei! 

 Mas tu - que rude contraste!
 Tu, que jamais me beijaste,
 Tu, que jamais abracei,
 Só tu, nesta alma, ficaste,
 De todos os que eu amei...

 Manuel Bandeira

 Hoje, Ame intensamente e Seja muito feliz.
 Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário