quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Teu olhar.


De onde vem este amor 
 Que enlaça Invade
 Domina 
 Tortura
 que alucina. 
 De onde vem este querer.
 Esta vontade em te ter. 
 Teu olhar me envolve. 
 Minha boca te chama
 E meu corpo reclama.
 De onde nasce este desejo louco
 Que anda solto e queima
 Dentro de mim... 
 Nó que não desata.
 Feitiço que não passa.
 De onde vem este amor... 

 Dolce Bárbαrα

 Hoje, Ame Intensamente e Seja muito Feliz.
 Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário