quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Palavras...Cadê?




Procuro palavras para descrever o que sinto.
Para te dizer que passei muitas luas até chegar onde estou e que onde estou não é onde queria chegar.
Queria que as palavras me procurassem e escrevessem a minha verdade absoluta e sem abismos.
Os meus sonhos com possibilidades.
As minhas vontades com perspectivas, mesmo que fossem mínimas.
Queria no bailar das palavras escritas te fazer entender o que é inaudível, o que talvez você encontre apenas em meus olhos.
Meu coração te encontrou e se agitou no peito.
Deixou de lado sentimentos intermitentes.
Criou sentimentos novos de profundas raízes.
Trouxe um sorriso mesmo que inconstante e um sol por detrás das nuvens.
E daquela tristeza que se arrastava na fileira dos dias restou apenas uma lembrança porque as lembranças sempre ficam para nos ensinar a ter dias melhores.
Hoje me vejo em teu sorriso e me encontro em tua voz quando me falas mansamente de amores.
Me guardo pra você assim como te guardo em mim no mais profundo desejo e em silente espera.


Lou Witt


Hoje, Ame intensamente e Seja Feliz.
Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário