quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Aqueles dias.


Chove.
E a infância, tímida,
saudadezinha contida,
teima em querer voltar.
Aqueles dias se foram,
aqueles dias felizes
e a criança também...
Já não corro mais na chuva,
nem solto na corredeira
meus barquinhos de papel.
Tão distante, aquele tempo...
Quem sabe, amanhã, talvez,
eu saia descalço na chuva,
peito nu, a festejar
saudade da minha infância...


Luiz Carlos Amorim



Hoje,Ame Intensamente e Seja Feliz.

Felicidades...

Nenhum comentário:

Postar um comentário